Homenews - homenews.com.br
Informática
Quinta - 11 de Março de 2004 às 11:32

    Imprimir


________________________________________________________________





Quatro grandes corporações de âmbito mundial estão processando centenas de pessoas pelo envio de spams( mensagens comerciais não-solicitadas). As ações correm em tribunais federais dos estados da Virginia, Califórnia, Washington e Georgia e foram movidas pela Microsoft, American Online (AOL), Earthlink e Yahoo!.

Elas representam a primeira investida pesada contra os spammers, com base na “Can Spam”, apelido para "Lei de Controle da Pornografia e Publicidade Não-Solicitadas", que entrou em vigor no dia 1 de janeiro último. Muitos dos acusados são “John Doe” (expressão inglesa para anônimo).

Embora os spammers tenham ganhado fama por encobrir suas pistas com rara habilidade, as quatro empresas acreditam que , por meio de intimações judiciais e outros instrumentos de investigação, chegarão até eles.

O Yahoo! contratou os serviços de Marc Zwillinger, ex-promotor do Departamento de Justiça norte-americano, expert em crimes por computador, o mesmo que em fevereiro de 2000 ajudou a caçar um hacker canadense conhecido como Mafia Boy.

Pelo menos dois spammers já foram identificados: Davis Wolfgang Hawke, de Massachusetts, e Braden Bournival, de New Hampshire. Ambos, segundo a AOL, remeteram milhões de e-mails, oferecendo remédios para emagrecer e detectores portáteis de mentira.





Agência Estado





URL Fonte: http://homenews.com.br/noticia/2078/visualizar/