Homenews - homenews.com.br
Ciência
Terça - 09 de Novembro de 2004 às 12:36

    Imprimir


______________________________________________________________




Cientistas da Universidade de Leeds, na Grã-Bretanha, anunciaram a descoberta de um gene que pode levar à perda de visão.

A equipe de pesquisadores identificou uma falha no código do DNA associado a uma forma rara e hereditária de doença na retina, a vitreoretinopatia exudativa familiar (VREF).

A descoberta pode ajudar os médicos no tratamento de milhares de pessoas que sofrem de formas mais comuns de cegueira, provocadas pelo crescimento anormal dos vasos sanguíneos dos olhos.

"Se pudermos entender as moléculas que levam ao desenvolvimento dos vasos sanguíneos observando a VREF, isso poderá nos ajudar a desvendar os caminhos do crescimento normal e anormal dos vasos sanguíneos", afirmou Carmel Toomes, que coordena a equipe da Universidade de Leeds.

Esperança

O estudo, que continua em andamento, foi publicado no jornal especializado The American Journal of Human Genetics.

Os pesquisadores examinaram pessoas que sofrem de VREF, uma doença hereditária que provoca anomalias no crescimento dos vasos sanguíneos dos olhos, podendo levar até à perda de visão.

O gene do cromossomo 11 que causa a doença já havia sido descoberto, mas a equipe da Universidade de Leeds percebeu que ele não era a única explicação para o problema.

Os pesquisadores acabaram descobrindo um segundo gene no mesmo cromossomo diretamente associado à VREF.

Para eles, a conclusão pode ajudar no desenvolvimento de tratamentos de doenças como a retinopatia diabética e a degeneração macular relativa à idade – as principais causas de cegueira nos países do Primeiro Mundo.




BBC, em Londres




URL Fonte: http://homenews.com.br/noticia/2636/visualizar/