Homenews - homenews.com.br
Saúde
Terça - 07 de Dezembro de 2004 às 11:22

    Imprimir


________________________________________________________________





Pessoas que nascem no mês de maio têm maior risco de desenvolver esclerose múltipla, segundo uma pesquisa da Universidade de Oxford.

A análise da incidência da doença em 42 mil pessoas no hemisfério norte mostrou um risco menor para aqueles que nasceram em novembro.

No geral, a pesquisa mostra que cerca de 10% a mais de pessoas que nasceram em maio e 10% a menos daquelas nascidas em novembro desenvolveram a doença, se comparado com as taxas de outros meses do ano.

Os cientistas sugerem que a complexa relação dos genes com o meio ambiente antes ou imediatamente depois do nascimento podem ajudar a explicar os resultados do estudo.

A pesquisa foi publicada no site do British Medical Journal.

Resultados

Os pesquisadores analisaram dados como mês de nascimento, histórico médico e familiar de 17.874 canadenses e 11.502 britânicos com esclerose múltipla.

Eles foram comparados com os dados de um grupo de pessoas da população em geral e com parentes sem a doença.

No Canadá, poucas pessoas com esclerose múltipla nasceram em novembro, se comparado com os outros grupos analisados.

Na Grã-Bretanha, poucas pessoas com a doença nasceram em novembro e um grande número nasceu em maio.

O número de pessoas que nasceu em dezembro e tem a doença também é significativamente baixo.

Os pesquisadores também analisaram grupos de pessoas com esclerose múltipla na Dinamarca e na Suécia, e novamente atestaram que uma grande parte nasceu em maio, e muito poucos em novembro.

Causas

Os pesquisadores ainda não sabem quais as causas dessas diferenças.

"Os fatores de risco para os efeitos da época do nascimento devem variar de acordo com a estação (do ano) e provavelmente têm relação com o desenvolvimento do sistema nervoso central, do sistema imunológico ou dos dois", diz George Ebers, um dos autores da pesquisa.

A equipe afirma que outros estudos já sugeriram que a exposição ao sol ou variações no nível de vitamina D no corpo da mãe durante a gravidez podem ter impacto no desenvolvimento do cérebro.

As mães de crianças nascidas em maio no hemisfério norte ficariam menos expostas ao sol durante a gravidez, porque esta acontece principalmente durante o inverno.

"A esclerose múltipla é uma doença que aparece em adultos. Então é difícil pensar que um dos fatores para o desenvolvimento da doença possa acontecer antes do nascimento. Mas essa pesquisa mostra que o mês do nascimento tem sim um efeito", diz Ebers.

A esclerose múltipla é uma doença normalmente diagnosticada em pessoas entre 20 e 40 anos, e ela tem o dobro de incidência em mulheres.




BBC, em Londres




URL Fonte: http://homenews.com.br/noticia/2699/visualizar/