Homenews - homenews.com.br
Informática
Quarta - 05 de Abril de 2006 às 10:51

    Imprimir


________________________________________________________________


Nos Estados Unidos, está ficando cada vez mais comum a oferta de troca de sexo por um lugar para morar, em sites de classificados online. O Craiglist, um dos sites de anúncios mais utilizados no mundo, funciona em 200 cidades e 35 países.

Em Atlanta, um anúncio oferece um quarto em troca de "sexo e um pouco de trabalho de escritório". Em Los Angeles, uma casa com piscina e um quarto sai de graça para "uma moça com habilidades e vontade". E em Nova York, um quarto de US$ 700 sai com desconto se for uma moça que esteja disposta a fazer sexo.

"Elas têm que ser bonitas. Eu não deixo qualquer um entrar na minha casa", disse Mike, um homem que atendeu ao telefone em função de anúncio em Nova York, mas recusou revelar seu sobrenome. O homem também não quis dizer se já havia alguma vez conseguido receber o valor do aluguel sob os lençóis.

As ofertas de sexo online são mais francas que as de classificados impressos, já que não são editadas. Talvez a anonimidade da Internet também ajude um pouco a desinibir as pessoas.

Trocar moradia por sexo é uma forma de prostituição, mas a polícia não está prendendo ninguém. Paul J. Brown, um comissário de polícia de Nova York, disse que a maioria dos anúncios na Craiglist são uma forma de voyeurismo e que não resultavam em uma troca real de sexo por aluguel.

"Eu normalmente alugo o quarto por US$ 600, mas se você sente muita cócegas e quer trocar uma brincadeirinha por um desconto, temos um acordo", escreve um homem gay ao propor uma oferta de US$ 350 em São Francisco.

Um homem disse que fez amizade com um homem bissexual que respondeu ao seu anúncio, mas acabou não ficando com o quarto. O mesmo homem disse que um russo também respondeu ao classificado e que saíram para jantar e beberam vinho, mas nada mais.

Jim Buckmaster, presidente da Craiglist, disse que a companhia proíbe anúncios que são contra a lei, mas uma equipe de apenas 19 pessoas não consegue policiar tantas publicações. Mike, que ofereceu o quarto em Nova York, disse que seus anúncios são freqüentemente retirados, resultando em um jogo de gato e rato onde ele o republica.





AP




URL Fonte: http://homenews.com.br/noticia/3636/visualizar/