Homenews - homenews.com.br
Ciência
Terça - 26 de Novembro de 2002 às 09:10

    Imprimir


O criador da ovelha Dolly, professor Ian Wilmut, pediu à Autoridade de Embriologia e Fertilização Humana (HFEA, na sigla em inglês), do Reino Unido, autorização para clonar embriões humanos.

Wilmut, que trabalha no Instituto Roslin de Edimburgo (Escócia), pretende realizar experiências com embriões humanos com a finalidade de pesquisar tratamentos para doenças degenerativas, como Parkinson e Alzheimer.

O cientista necessita da autorização para aplicar uma técnica chamada partenogênese, que implica a fertilização de um óvulo humano sem o esperma. No entanto, o instituto não poderá implantar em um útero um embrião gerado pela técnica, o que poderia resultar no nascimento de uma criatura clonada -- proibido pela Lei de Embriologia Humana do Reino Unido, de 1990.

De acordo com o professor, seu objetivo é cultivar esses embriões partenogênicos em laboratório para que se possa extrair células-tronco. O valor dessas células, que se desenvolvem nos primeiros dias de vida do embrião, está em sua capacidade de se converter em qualquer tecido humano.

A Autoridade de Embriologia e Fertilização Humana irá decidir no próximo ano se concede ou não a autorização a Wilmut.

Homenews com agências internacionais




URL Fonte: http://homenews.com.br/noticia/472/visualizar/