Homenews - homenews.com.br
Astronomia
Quinta - 13 de Novembro de 2003 às 06:11

    Imprimir



HomeNews

Um estudo realizado por pesquisadores norte-americanos, acaba de jogar por terra a remota possibilidade de que a Lua pudesse conter gelo em um dos seus pólos. A pesquisa, feita a partir de um radar de estudo do solo, revelou ausência de água mesmo nas extremidades lunáres.

Cientistas do Instituto Smithsonian, nos Estados Unidos fizeram observações radiotelescópicas de várias crateras localizadas nas redondezas polares da Lua a partir da grande antena de Arecibo, localizada em Porto Rico - um radar com comprimento de onda de 70 centímetros, capaz de perfurar vários metros de pó e indicar a presença de gelo.

No entanto, as imagens obtidas não mostraram a evidência de qualquer depósito significativo de gelo. De acordo com Donald Campbell, um dos autores do estudo, publicado hoje na revista científica britânica "Nature" (http://www.nature.com), "Qualquer acúmulo de gelo nessas regiões se apresentaria na forma de grãos disseminados ou finas camadas interpostas, medindo centímetros ou até menos".

Para os cientistas, a ausência de água na Lua pode estar relacioda ao impacto de poucos cometas compostos por gelo com a superfície lunar. Os pesquisadores explicaram ainda que mesmo que a água brotasse na superfície da Lua, sem atmosfera não seria possível mantê-la em estado líquido. Ela mantería-se solidificada a baixíssimas temperaturas ou seria evaporada diretamente para o espaço.




URL Fonte: https://homenews.com.br/noticia/1688/visualizar/