Homenews - homenews.com.br
Saúde
Quinta - 08 de Julho de 2004 às 11:40

    Imprimir


______________________________________________________________



Tomar leite pode reduzir o risco de câncer no intestino, segundo pesquisadores americanos.

Cientistas do Brigham and Women's Hospital descobriram que beber meio litro de leite por dia leva a uma queda de 12% no risco de desenvolver a doença.

Eles analisaram os resultados de dez pesquisas, que, no total, avaliaram cerca de 500 mil pessoas, das quais 5 mil contraíram câncer de intestino.

Os resultados do estudo dos cientistas americanos foram publicados no Journal of the National Cancer Institute.

Regime alimentar

O câncer de intestino, também conhecido como câncer de cólon e reto, é a terceira forma mais comum da doença no mundo.

Há indicações de que diferentes regimes alimentares podem explicar por que a incidência de câncer varia de país para país.

Pesquisas anteriores com animais indicam que o cálcio, obtido principalmente de leite e seus derivados, pode proteger contra a doença.

Os pesquisadores americanos avaliaram o consumo de diferentes produtos lácteos que são fonte de cálcio.

No entanto, constataram que só o leite está ligado à redução de risco de câncer, especialmente câncer de cólon e reto.

O estudo constatou que a maior ingestão de cálcio está associada à redução de câncer de intestino.

Aumentar a ingestão de cálcio para mil miligramas por dia ou mais pode resultar em 15% menos casos de câncer de intestino entre as mulheres e 10% a menos entre os homens.

Os pesquisadores foram chefiados pelo cientista Eunyoung Cho, e disseram que os resultados reforçam "o conceito de que a ingestão moderada de leite e cálcio reduz o risco de câncer do cólon e do reto", segundo o jornal.

A pesquisa não constatou redução significativa do risco associada a outros produtos lácteos, como queijo e iogurte.

Outros riscos

Alguns especialistas acreditam que os produtos lácteos podem aumentar o risco de outros tipos de câncer, especialmente de seio e próstata.

O chefe dos programas clínicos da organização Cancer Research UK, Richard Sullivan, disse que os resultados da pesquisa são "interessantes".

No entanto, ele observou que "estudos epidemiológicos freqüentemente resultam em associações interessantes que, depois, não se confirmam".

"As pessoas não deveriam concluir, com base nesse estudo, que tomar leite diariamente vai impedir que elas contraiam câncer de cólon e reto".

"Não foi mostrado nenhum mecanismo convincente de como o leite pode impedir o câncer."

Sullivan disse que a melhor maneira de reduzir o risco de câncer de cólon e reto é ter uma dieta equilibrada, incluindo muitas frutas, verduras e alimentos ricos em fibras, e reduzir a ingestão de gorduras e carne vermelha e processada.



BBC




URL Fonte: https://homenews.com.br/noticia/2311/visualizar/