Homenews - homenews.com.br
Ciência
Sexta - 12 de Novembro de 2004 às 13:13

    Imprimir


________________________________________________________________





Uma forma de imunização à base de proteína pode abrir caminho para um método anticoncepcional masculino que não acarreta descontrole hormonal.

Macacos imunizados com uma proteína extraída dos testículos sofreram uma reação que tornou os animais temporariamente inférteis. Os autores da pesquisa acreditam que a experiência poderia ter ser repetida entre homens.

Batizada de "imunocontracepção", o método, que usa anticorpos, seria uma alternativa para outros métodos anticoncepcionais que interferem com os níveis dos hormônios.

Interação

Várias formas de métodos anticoncepcionais foram pesquisadas para mulheres, mas existem poucas opções para homens.

No experimento, nove macacos foram tratados com soluções contendo a proteína Eppin, extraída de testículos.

Sete deles desenvolveram fortes anticorpos e se tornaram inférteis. Cinco deles recuperaram a fertilidade quando o tratamento foi interrompido.

A proteína Eppin interage com uma substância envolvida na ejaculação. Os autores acreditam que os anticorpos anti-Eppin possam causar a infertilidade passageira.

A pesquisa, conduzida por pesquisadores americanos e indianos, foi publicada na revista Science.

Os cientistas dizem precisar de mais pesquisas para viabilizar o anticoncepcional.




BBC, em Londres




URL Fonte: https://homenews.com.br/noticia/2650/visualizar/