Homenews - homenews.com.br
Ciência
Sexta - 04 de Março de 2005 às 12:09

    Imprimir


________________________________________________________________




O Programa de Meio Ambiente da ONU (Unep) fez um alerta para a ocorrência de problemas de saúde pouco habituais em determinadas regiões da Somália decorrentes do tsunami que atingiu a costa leste da África e o sudeste da Ásia em dezembro.

Um relatório do Unep afirma que as ondas gigantes que atingiram o litoral nordeste da Somália podem ter desenterrado materiais radioativos enterrados em contêineres ilegalmente ou outros tipos de lixo tóxico.

O porta-voz do Unep, Nick Nuttall, disse à BBC que há relatos de pessoas com sangramento na boca, hemorragias em diversas partes do corpo e outras queixas médicas.

"Até que saibamos as quantidades exatas e exatamente onde esse material foi parar não teremos certeza sobre o impacto total, mas é uma variedade de substâncias nocivas", disse ele.

Contaminação

Acredita-se que empresas internacionais tenham enterrado material tóxico na costa da Somália nos últimos 15 anos.

Ele afirma que há a possibilidade de esse lixo tóxico chegar a outros países.

"Sabemos que esse material está na terra e está contaminando o ar, mas também há a possibilidade, que precisa ser investigada urgentemente, de que parte desse lixo químico foi parar no mar. Nós precisamos analisar as correntes para saber para onde esse material pode estar indo", disse.

O porta-voz do Unep disse que talvez haja ainda mais material tóxico desenterrado no norte do país.



BBC, em Londres




URL Fonte: https://homenews.com.br/noticia/2842/visualizar/