Homenews - homenews.com.br
Tecnologia
Sexta - 04 de Março de 2005 às 17:11

    Imprimir


________________________________________________________________




A Nokia e a Microsoft fecharam um acordo para oferecer música para aparelhos celulares; a Sony e a Ericsson anunciaram planos para um misto de celular e Walkman; a Motorola trabalha em um telefone capaz de tocar arquivos do programa iTunes, da Apple.

Será que o telefone celular vai substituir o MP3 player no seu bolso?

O mercado das músicas baixadas da internet vem crescendo gradualmente desde que as gravadoras assumiram a distribuição digital.

A facilidade de usar, os preços relativamente baixos e a popularização do acesso à internet por banda larga ajudaram a puxar o crescimento fenomenal dos MP3 players.

A opção de baixar as músicas nos telefones celulares não decolou tão rapidamente, constrangida por desafios tecnológicos e questões relativas à disponibilidade das músicas.

Mas as empresas da área estão confiantes de que estão contados os dias dos aparelhos que só tocam arquivos de MP3.

Momento

"Os celulares têm potencial para se tornarem o maior meio para música de todos os tempos", disse Gilles Babinet, executivo-chefe da MsuiWave, uma empresa do setor.

A MusiWave fornece infra-estrutura para baixar material de internet no celular, e Babinet disse que o setor está passando por um momento definitivo.

Mas existem dificuldades. Os celulares oferecem espaço limitado para armazenamento de música, certamente nada que rivalize com os 60GB do iPod da Apple.

Mas os primeiros celulares com players de disco rígido estarão no mercado em breve, e a atual geração de celulares com tecnologia flash pode armazenar até 1 gigabyte de música, o suficiente para 250 arquivos.

"Estamos trabalhando na questão do disco rígido e vamos oferecer equipamentos interessantes", disse Jonas Guest, vice-presidente de entretenimento da Nokia.

Mas será os celulares podem se tornar apenas dispositivos de armazenamento das músicas? Os envolvidos dizem que isto é algo a ser evitado.

"Um dos problemas que podemos ter é que os celulares seriam usados apenas para armazenar ou tocar as músicas, enquanto os PCs seriam usados para baixá-las da internet", disse Babinet.

"Não queremos que as pessoas descartem seus PCs", afirmou Guest. É preciso habilitar as pessoas para transferir música do PC para o celular e vice-versa."





BBC, em Londres




URL Fonte: https://homenews.com.br/noticia/2850/visualizar/