Homenews - homenews.com.br
Tecnologia
Quinta - 19 de Janeiro de 2006 às 13:37

    Imprimir


________________________________________________________________


A japonesa KonicaMinolta Holdings anunciou hoje (19/01) que está se retirando do mercado de câmeras e filmes fotográficos coloridos, marcando o final de uma das mais conhecidas marcas no mundo da fotografia.

Como parte da surpreendente decisão, a KonicaMinolta anunciou que venderá parte de seus ativos no segmento de câmeras digitais com lentes reflex simples (SLR) à Sony, por valor não revelado, e deixará de produzir câmeras compactas já a partir de março deste ano.

A empresa anunciou que suspenderá a fabricação de filmes coloridos e papel fotográfico em março de 2007, abandonando um mercado que está em rápido declínio devido à grande difusão das câmeras digitais, que armazenam imagens digitalmente e não usam filme.

A terceira maior fabricante mundial de filme fotográfico, depois da Eastman Kodak e da Fuji Photo Film, anunciou em novembro que reduziria significativamente as dimensões de sua deficitária divisão de câmeras e filmes, mas não que a fecharia.

"Queremos encerrar o assunto de maneira clara", disse Fumio Iwai, presidente da KonicaMinolta, em entrevista coletiva durante a qual a empresa anunciou também que Iwai será substituído pelo vice-presidente, Yoshikatsu Ota, a partir de 1º de abril.

A KonicaMinolta anunciou em novembro que antecipava prejuízo líquido de 47 bilhões de ienes (US$ 407,9 milhões) para o grupo no ano fiscal que se encerra em março deste ano, e que estava investindo mais de 90 bilhões de ienes para racionalizar sua posição, liquidar ativos e reduzir o número de funcionários da problemática divisão de câmeras e filmes.

Mas a decisão de encerrar definitivamente as operações desse setor apanhou os analistas e a rival Fuji Photo desprevenidos. A KonicaMinolta, criada em agosto de 2003 pela fusão entre a Konica e a Minolta, tem longa tradição nos mercados de filmes e câmeras, produzindo o primeiro papel fotográfico do Japão em 1903 e os primeiros filmes coloridos do país em 1940.

Depois da notícia, a Fuji Photo divulgou comunicado anunciado que continuará a produzir filme fotográfico tradicional.





Reuters




URL Fonte: https://homenews.com.br/noticia/3289/visualizar/