Homenews - homenews.com.br
Saúde
Segunda - 24 de Abril de 2006 às 09:34

    Imprimir


________________________________________________________________


Implantes de silicone para os seios não aumentam o risco de câncer, de acordo com um estudo realizado nos Estados Unidos.

Os pesquisadores descobriram que mulheres com implantes têm um risco menor de desenvolverem câncer de mama, mas um perigo maior de câncer de pulmão.

Mas, nos dois casos, isso pode ser relacionado com outros fatores, como serem mães ou fumantes.

O estudo acompanhou 3486 suecas durante uma média de 18.4 anos.

Os pesquisadores do Instituto Internacional de Epidemiologia em Maryland e do Centro de Câncer Vanderbilt-Ingram em Nashville, acreditam que este é o estudo mais longo a acompanhar mulheres com implantes.

A Agência Internacional de Pesquisa do Câncer já havia concluído que implantes de silicone não causavam câncer, uma posição defendida por várias outras instituições científicas.

Mas os pesquisadores norte-americanos disseram que queriam fazer um estudo definitvo e de longa duração já que algumas pesquisas e casos levantaram dúvidas sobre a questão.

Comparações

Os cientistas identificaram 180 cânceres em mulheres com implantes. Em comparação, eles esperavam encontrar 193 casos em uma amostra similar da população geral.

Das mulheres com implantes, vinte tiveram câncer de pulmão, enquanto a projeção era de nove. Esse número pode ter relação com o cigarro.

Mas apenas 53 tiveram câncer de mama, 19 casos a menos do que o esperado.

Os pesquisadores disseram que as mulheres que colocaram silicone eram geralmente mais magras, tinham mais filhos e haviam dado à luz mais cedo - fatores associados com uma diminuição no risco de câncer de mama.

O estudo também concluiu que não há evidências de que implantes nos seios aumentem o risco de outros cânceres.

Para Hazel nunn, da ONG Câncer Research UK, o estudo tranquiliza as mulheres que têm implantes.

Mas ela lembrou que é importante que essas mulheres avisem da existência dos implantes quando fazem mamografias, já que o silicone pode interferir no exame.





BBC, em Londres




URL Fonte: https://homenews.com.br/noticia/3735/visualizar/