Homenews - homenews.com.br
Ciência
Terça - 03 de Outubro de 2006 às 13:00

    Imprimir


________________________________________________________________


Os astrofísicos norte-americanos John C. Mather e George F. Smoot são os ganhadores do Prêmio Nobel de Física 2006 por suas pesquisas sobre a radiação de fundo das microondas cósmicas e a origem do universo. A informação foi divulgada hoje (03/10) pela Real Academia Sueca das Ciências em Estocolmo.

Os cientistas receberão o prêmio por "seu olhar para a infância do universo" e "suas tentativas de entender a origem das galáxias e das estrelas". Seus trabalhos estão baseados nas medições realizadas com ajuda do satélite Cobe, lançado pela Nasa (a agência espacial norte-americana) em 1989, em cujos resultados sustentaram suas pesquisas sobre o cenário dos primeiros segundos após o "big bang", a origem do universo.

Mather, 60 anos, doutor em Física pela Universidade da Califórnia em Berkeley, trabalha como astrofísico no centro da Nasa Goddard Space Flight, em Greenbelt (EUA). Smoot, 61 anos, doutor em Física por Cambridge (Massachusetts), trabalha como catedrático na Universidade de Berkeley.

O Nobel de Física premia os vencedores com 10 milhões de coroas suecas (1,1 milhão de euros) e será entregue em 10 de dezembro, aniversário da morte de Alfred Nobel, fundador dos prêmios. No ano passado, o prestigioso prêmio foi partilhado entre os americanos Roy J. Glauber e John L. Hall, e o alemão Theodor W. Hänsch, por seus estudos sobre os fenômenos ópticos.

O anúncio do prêmio de Física segue o de Medicina, feito ontem, reconhecendo o trabalho dos americanos Andrew Z. Fire e Craig C. Mello no campo da genética. Amanhã será anunciado o Nobel de Química; na próxima segunda-feira, o de Economia e na sexta-feira, o da Paz. Ficará pendente o de Literatura, que, tradicionalmente, é anunciado numa quinta-feira.




EFE




URL Fonte: https://homenews.com.br/noticia/3864/visualizar/