Homenews - homenews.com.br
Tecnologia
Terça - 19 de Novembro de 2002 às 09:56

    Imprimir


EUA, (BBC) - Os desfibriladores, usados para reavivar com choques elétricos pessoas que tiveram um ataque do coração, poderão se tornar tão comuns quanto alarmes de fumaça, dizem especialistas americanos.

A previsão foi lançada depois que as autoridades americanas aprovaram o primeiro desfibrilador elaborado para uso caseiro.

A Philips, fabricante do produto, disse que o aparelho - que deverá estar disponível em farmácias americanas no início do ano que vem a cerca de US$ 2 mil - poderia salvar milhares de vidas todos os anos.

Especialistas britânicos dizem, no entanto, que iriam analisar cuidadosamente os resultados dos estudos feitos pelas autoridades americanas antes de apoiar a comercialização do produto na Grã-Bretanha.

Uso fácil

O desfibrilador caseiro foi criado para que as pessoas possam fazer os primeiros socorros em alguém que sofreu um ataque do coração antes da chegada de ajuda médica.

Mas quem quiser adquirir um desfibrilador teria de conseguir uma receita médica antes.

O aparelho vem com instruções verbais, lembrando os usuários a retirar a camisa ou a blusa da vítima e orientando sobre o local correto de se colocar a placa de choque.

o desfibrilador detecta se o coração da vítima está batendo e não dá o choque se a pessoa não precisar.

As autoridades americanas trabalham em conjunto com os fabricantes, para garantir que o equipamento seja de uso ainda mais fácil do que os dos aparelhos usados em aeroportos.

Isso porque, no passado, houve estudos sugerindo que o uso incorreto de desfibriladores estavam provocando mortes.

Esses estudos mostraram que muitos remédios e pessoas do público em geral não sabem como usar o aparelho, o que estaria provocando um sofrimento desnecessário.





URL Fonte: https://homenews.com.br/noticia/437/visualizar/